A Lamparina do Sacrário

La lamparita del sagrario

Todos nós temos guardado em nossa memória alguns acontecimentos que nos permitiram tirar alguma lição para a nossa vida. Nem sempre o fato de recordá-los se dá pela grandiosidade do ocorrido, mas sim pela profundidade com que a mensagem ficou gravada em nossos corações. Gostaria de partilhar um desses acontecimentos afortunados.

Eu era jovem, tinha cerca de 20 anos, sentia um chamado para a vida contemplativa. Não sabia bem o que era, então fui conversar com um monge e pedi que ele me explicasse o sentido da vida solitária e oculta. Aquele sábio homem não utilizou muitas palavras para responder a minha pergunta, apenas fez uma simples comparação: “a vida contemplativa é como a luz do sacrário, não é uma grande luz, não serve para iluminar um grande espaço, nem é capaz de acalentar do frio. Porém, indica, de maneira simples e eficaz o fato que Jesus está vivo e presente em nosso meio”.

Tais palavras voltam a minha mente quando hoje me detenho contemplando a lamparina do sacrário da nossa capela. Causa-me admiração o fato que a frágil chama de uma vela aponte para algo tão grande e sublime.  A sua constância permite que se cumpra a sua missão, porém, para isso precisa consumir-se. A luz do sacrário está restrita a um espaço pequeno e reduzido, porém fala de realidades universais e eternas. A lamparina do sacrário define muito bem avida dos contemplativos de ontem de hoje.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s